Homens das comunidades do Cruzeiro e Bairro Novo são beneficiadas com ações do Novembro Azul

Publicado em 25 de novembro de 2021, por Mathilde Souza | Categoria: Destaque

As Unidades da Saúde da Família Judas Tadeu e Posto IV realizaram a Noite do Homem e levaram conhecimentos sobre os cânceres de próstata, de pênis e de boca

 

Nesta quarta-feira (24), aconteceu mais um dia do Novembro Azul, que tem o intuito de conscientizar os homens para cuidar da sua saúde, observar os sinais e os sintomas que o corpo apresenta, para que possam evitar o desenvolvimento dos cânceres de próstata, de pênis e de boca. 

 

Então, as Unidades de Saúde da Família Judas Tadeu e Posto IV proporcionaram aos homens das comunidades do Cruzeiro e Bairro Novo momentos esclarecedores sobre o que é o Novembro Azul, o porquê a preocupação de enfatizar a conscientização dos homens para que os mesmos se cuidem.

 

Na USF Judas Tadeu, a enfermeira Luana Lima preparou para os homens que são assistidos pela unidade uma palestra com conteúdos relevantes sobre o câncer de próstata, ressaltou que na idade avançada é mais propício a desenvolver o CA e que histórico familiar e obesidade também são alguns causadores dessa predisposição.

 

Também foi explicado aos homens que a evolução do câncer de próstata é bastante lenta, por isso é importante prestar atenção em alguns sinais e sintomas que o corpo apresenta na fase inicial e mais avançada, como dor na bexiga, dor ao urinar, presença de sangue na urina, dor óssea e até mesmo infecção.

 

Os exames laboratoriais como o PSA e o toque retal são fundamentais para a descoberta precoce do câncer de próstata. Se caso diagnosticado, o urologista irá avaliar e ver o melhor tratamento adequado para o paciente.

 

Com 84 anos, o sr. Heleno José, fala da importância dessa ação para os homens da comunidade: “É muito bom porque a gente adquire conhecimento e sabemos o que estamos sentindo quando contamos ao médico. A saúde é muito boa, mas tem gente que não procura, né? Acha que é besteira, diz que não vai, mas é interessante a gente vir porque ficamos sabendo muitas coisas que nós não conhecemos”.

 

O momento foi aproveitado pelo dentista da USF Judas Tadeu, Júnior Ademesiano, que orientou os homens sobre o câncer bucal e os cuidados que eles devem ter. Foi realizado o exame clínico em todos os pacientes em conjunto com as orientações de higiene bucal e entregue escova de dente e creme dental.

 

“O nosso dia do homem teve uma grande intenção de trazer o homem a unidade e tentamos passar para eles todo o atendimento precoce sobre o câncer bucal e algumas orientações. Às vezes uma pequena lesão eles ficam com vergonha de perguntas e às vezes uma pequena orientação pode livrar ele de uma coisa bem pior. Então, essa era a intenção da gente de fazer essa integração entre o posto, a comunidade e o horário também”, disse o dentista.

 

Luana Lima, enfermeira da USF Judas Tadeu explica que: “A gente passa para a comunidade algumas informações relevantes sobre o tema como sinais e sintomas, detecção precoce, tratamento, como se dar o diagnóstico porque às vezes os homens da comunidade são homens leigos e que não entendem bem sobre o assunto. Então, a gente vê a importância de proporcionar a eles esse momento para eles entenderem um pouco sobre o que é o câncer de próstata, o que ele vai apresentar, o que vai indiciar que ele vai estar com o início ou o câncer de próstata”.

 

Além de todo conhecimento, a médica Maria Fernanda realizou consultas, exames laboratoriais e aferição de pressão.

 

 

Reportagem: Mathilde Souza

Fotos: Anderson Souza (SECOM)

 


QUADRO DE AVISOS


MATÉRIAS E PUBLICAÇÕES




ÚLTIMAS NOTÍCIAS